História

Nossa história começa com a LOJA NOVA ISIS, estabelecida em junho de 1995 e.v., na cidade do Rio de Janeiro, onde desempenhou papel de Ordem Iniciática, aceitando homens e mulheres dentre suas fileiras para serem instruídos na Ciência e Arte da Magia e na Filosofia de Thelema.

Na fase inicial de sua existência, período bem conturbado de transição, a LOJA NOVA ISIS (ou somente L.N.I.) herdou o modus operandis da O.T.O. (herança de Motta para Euclydes) como seu próprio – a O.T.O. do Caliphado ainda não havia chegado no Brasil.

Suas reuniões e cerimônias refletiam essa ligação; o ritual de reunião regular havia sido construído a partir do esquema do Rito Moderno1 e todo o contexto fora adaptado em conformidade com a Lei.

As cerimônias de iniciação também foram adaptadas do Grau Minerval da O.T.O., mas com uma diferença: suas ordálias cerimoniais reprovavam efetivamente.

Durante seus trabalhos regulares, a L.N.I. transmitia sua tradição e ensinamentos através de aulas/palestras onde instruções de todo o tipo eram passadas, isto é, Magick, Thelema, Chaos Magick, Corrente Typhoniana, Zos Kia Cultus, Voudun Gonóstico, Enochiano, Túneis de Seth, Golden Dawn, Maat Magick e Rosacrucianismo.

Todo o conhecimento era dividido por graus e em todos os graus havia um currículo no qual o iniciado deveria se esforçar por desenvolver. Nessa época o objetivo era alcançar o famoso “IXoGrau”, isto é, o Segredo Central da O.T.O., mas que somente era obtido por consecuções mágico-iniciáticas. O iniciado deveria demonstrar que obteve algum domínio da matéria do grau que estava, antes de solicitar o próximo.

Antes de ser iniciado na Loja, o candidato passava por um período chamado Pré-iniciático, onde recebia instruções preliminares sobre Ritual Menor do Pentagrama, Assunção de Formas, Viagem na Visão Espiritual e outras. Esta etapa era extremamente importante para preparar o candidato às ordálias da iniciação. Além disso, cada vez mais candidatos chegavam sem qualquer preparo, até mesmo para o mais leve esoterismo.

Isso foi observado e logo incrementamos o curso de forma a torná-lo mais abrangente. Esse incremento também aumentou o tempo do Pré-Iniciático. Muitas pessoas continuavam a nos procurar.

Com o passar do tempo, foi percebido outra falha nessa estrutura, pois que muitos candidatos faziam o curso, recebiam a iniciação e logo paravam de freqüentar o convívio da L.N.I..

Isso também foi percebido e houve a primeira mudança na estrutura.

Devido a sua nova duração, o período Pré-Iniciático foi transformado em um grau, o Grau Zero. Tiramos os nomes dos graus e seguimos as orientações conforme a Loja Nu-Isis de Grant, isto é, só com os números. A pessoa deveria ser iniciada antes de ter contato com as instruções.

Nessa fase, foi preparado um material por escrito que apenas introduzia o candidato à Filosofia Thelêmica. Era um tipo de manual básico contendo alguns libri e outros textos sobre magia e confecção do diário mágico. Nada mais! Após a leitura, o candidato optava ou não por ser iniciado. Então era submetido àquela cerimônia de iniciação.

Esse processo durou alguns anos até que vimos que não tivemos sucesso na montagem de um Templo para nosso trabalho. Sempre usávamos locais emprestados e/ou alugados.

Nosso trabalho como Ordem “Maçônica” não prosperara apesar das dezenas de iniciações e instruções que realizamos. No entanto, em paralelo, nossas instruções ganharam uma força tal que resolvemos seguir uma linha mais científica em nossa abordagem. E criamos a Escola de Magia, pois teríamos mais liberdade de estudo.

Depois de 3 anos nesse modelo, naturalmente, a estrutura de Ordem havia perdido sentido. O conhecimento podia ser propagado de maneira acadêmica. Vimos que não mais era adequado uma estrutura de Ordem. Decidimos eliminar definitivamente toda estrutura de Ordem e nos firmamos como uma escola, isto é, Collegium ad Lux et Nox.

1: O Rito Moderno é considerado um rito Agnóstico, todas as referência a Deus foram removidas dele.

Bitnami